segunda-feira, 18 de novembro de 2013

V Congresso Nacional de Bonsai - Porto 2013


Neste fim-de-semana que terminou decorreu o V Congresso Nacional de Bonsai que teve lugar na Biblioteca Municipal Almeida Garret, nos jardins do Palácio de Cristal no Porto. Este ano coube a organização ao Bonsai Clube do Porto que assumiu a Direcção da Federação Portuguesa de Bonsai desde o início deste ano. Teve a participação especial do grupo galego El Tim que realizou uma demonstração de Bonsai conduzido pela mão do Luis Vila e que realizou igualmente um workshop para os participantes interessados.

Foi um fim-de-semana de muitas emoções e é difícil condensá-las todas neste momento! Mas começando pelo princípio, penso que se podem dar os parabéns ao Bonsai Clube do Porto pela organização de um excelente congresso. O espaço teve todas as condições para uma exposição desta natureza. Situada numa zona nobre da cidade e com uma envolvência espectacular como é o parque do Palácio de Cristal, acho que a Biblioteca Almeida Garret foi uma escolha perfeita para o evento e as condições da sala eram muito boas. Pode-se apenas apontar a questão da luminosidade para as fotografias, mas isso nunca foi perfeito em todos os congressos até à data e é um problema mesmo em exposições internacionais.

Depois, aquilo que para mim é fundamental num evento destes, viu-se um aumento global no nível das árvores expostas pelos Clubes, o que elevou bastante o nível da exposição face às anteriores. Notou-se que os Clubes procuraram participar com melhores árvores e que isso ajudou a subir um patamar de qualidade nas árvores expostas, sendo que houve algumas que me impressionaram e que penso que já possuem alguma qualidade para serem mostradas noutros palcos.

Noutro sentido, foi muito bom ter a participação do grupo El Tim, dando-nos a oportunidade de ver trabalhar aquele que é no momento um dos grupos mais activos e de maior nível em Espanha, encabeçado pelo Luis Vila mas que inclui outros bonsaistas de grande nível. Não tive a oportunidade de ver a demonstração deles nem de participar no workshop, mas o trabalho realizado no teixo foi muito bom. Por outro lado, eles trouxeram consigo algumas árvores excepcionais que inclusivamente já ganharam alguns prémios internacionais importantes e só a oportunidade de ver estas árvores ao vivo já valeu a despesa do fim-de-semana.

Os clubes participaram de um modo mais activo no Congresso e o nível das demonstrações pelos seus associados foi muito bom. Boas árvores e excelentes trabalhos, o que mostra que estamos a subir de qualidade no trabalho realizado e que temos bonsaístas que já apresentam um excelente nível. Parabéns ao Viriato, à Maria João Simões e ao João Sampaio pelos trabalhos realizados.

Por último, neste ano voltei a participar no concurso Novo Talento. A primeira e única experiência anterior que tinha tido foi em Setúbal, no 2º Congresso, e o resultado não tinha sido o melhor. Neste Congresso nem era para ser eu o representante do Clube Bonsai do Algarve, mas devido à impossibilidade do Carlos Madeira se deslocar ao Porto neste fim-de-semana, calhou-me a mim representar o CBA. As coisas correram-me bem e senti-me mais confortável durante a participação. Acho que o facto de já ter tido uma experiência anterior e de ter mais alguma experiência no momento ajudou-me um bocado. A árvore não era muito fácil igualmente, mas arrisquei um bocado e optei por uma solução que era menos óbvia à partida. Felizmente as coisas correram bem e acabei por ganhar o concurso e agora tenho a responsabilidade de representar Portugal na próxima exposição da EBA, na Polónia. Um abraço aos meus companheiros de bancada que estiveram comigo a aguentar o stress de ter de modelar uma planta em 3 horas com um público à frente. Mas o que mais me tocou foi o apoio e a emoção dos meus colegas do Clube Bonsai do Algarve que estiveram comigo o tempo todo e que vibraram até mais do que eu com este resultado, tanto os que estavam comigo como aqueles que me acompanharam à distância.

Enfim, um fim de semana de emoções, de amizade e convívio à volta desta arte que é o Bonsai.


4 comentários:

MESUKITA disse...

Olá Nuno e parabéns...
Fizeste um optimo trabalho, a árvore ficou harmoniosa e proporcional.
Boa sorte para a EBA

Jorge Mesquita

Nuno Encarnação disse...

Viva, Jorge! Obrigado pelo comentário e pelos parabéns. Foi bom estar com a malta do bonsai neste fim-de-semana. Para a EBA acho que vou com o espírito que o João Sampaio me disse: é para desfrutar e aprender. Tudo o que vier a mais é sempre ganho.
Abraço!

Augusta Gloria disse...

Olá Nuno, casualmente descobri este seu fantástico blog através do feed de notícias do FB (na sequencia de uma partilha da sua Mãe). Gosto muito do tema!
Já dei os parabéns à Mãe e agora deixo-os aqui para si!
já subscrevi este seu blog para segui-lo publicamente.
Gosto e admiro a arte Bonsai, embora não pratique essa arte nem possua exemplares, no momento.
Abracinho para si.

Viriato Oliveira disse...

Parabens Nuno...notou-se um cuidado com os detalhes e a limpeza da arvore e de todos os pormenores.continua que vais no bom caminho. abraço